Acompanhe Nossas Notícias
Fique por dentro das últimas novidades institucionais da E. Orlando Roos
e do mercado do agronegócio.
28nov
Estamos preparados para a Agricultura Digital?

A evolução da Agricultura com o advento do Agronegócio, (termo que começou a ser utilizado por J. Davis e Ray Goldberg em 1957), fez com que a produção em escala comercial, distribuída em uma cadeia de suprimentos impulsionou a necessidade da expansão de área (que é limitada), e principalmente o aumento da produtividade.

Durante praticamente 50 anos, esta evolução da produtividade foi obtida através de alguns elementos importantes, como a correção do solo, adubação equilibrada, desenvolvimento genético de cultivares, adequação de melhores épocas de plantio, evolução do maquinário agrícola, e principalmente no Brasil o advento do Plantio Direto na Palha.

Este último item merece atenção especial, visto que incorporou as áreas cultivadas áreas íngremes, arenosas e de difícil condição para o cultivo de culturas anuais como a soja, o milho e o trigo, estas antes utilizadas para pecuária ou improdutivas. Além disto, transformou o Produtor Rural em referência nos cuidados com o Ambiente (apesar de que muitas vezes isto não ser reconhecido), pois passou a preservar toneladas de solo expostas anteriormente a erosão, além de criar um microclima no solo favorável ao desenvolvimento natural de micro-organismos e insetos que enriquecem um solo antes totalmente exposto as intempéries.

Nos últimos anos, este Produtor Rural está se transformando efetivamente em Gestor da propriedade. Com a evolução do maquinário agrícola para a tecnologia digital, e agora com a chegada de vários equipamentos totalmente digitais de controle de processos – tanto administrativos como operacionais – traz à tona a complexidade da prestação de Assistência Técnica ou Consultoria Agrícola (termo mais abrangente que envolve a propriedade como um todo).

A Assistência Agronômica da forma como ocorreu até ontem, está sendo substituída por mecanismos digitais que estarão ou já estão em operação, como por exemplo o Watson, que consiste num grande arquivo que compila as melhores soluções para cada caso. Cada vez mais as empresas que trabalham com Assist. Agronômica terão que ter como meta a especificidade na qualidade do serviço prestado, tendo profissionais que tenham a capacidade de buscar soluções específicas, que agreguem valor e proporcionam resultado perceptível ao Produtor.

Isto se traduz na capacidade de análise e recomendação de um imenso banco de dados que é disponibilizado pelos sistemas digitais, e que deve ser traduzido em resultados para o produtor. Desafio este bastante complexo, visto que deve atender as necessidades de curto prazo do produtor bem como o desafio da consistência de resultados a longo prazo.

Porém, esta é a capacidade que devemos ter de atender aos nossos clientes Produtores Rurais, estando na vanguarda e sempre preparados para que possamos continuar a colocar a agricultura da nossa região e por consequência do nosso país em destaque, visto a responsabilidade que temos de suprir a crescente demanda mundial por alimentos.

Eduardo Souilljee

Gerente Técnico de Insumos – E. Orlando Roos Com. de Cereais Ltda.

Publicação REVISTA MOMENTO – ED. NOV/2017

 

Galeria de Fotos
Fale Conosco
+55 (54) 3320.0000
+55 (54) 3191-0100